FUGA…

Mergulho dentro de mim mesma e fico submersa…
dentro do meu ego…
deixo o destino decidir e que o Criador me encaminhe
para aquilo que Ele me predestinou…
no momento em que adentrei o
… ventre materno e ali fiquei…
enclausurei e esperei…
abri os olhos ofuscados pelo brilho da luz
nasci!
agora faço o mesmo…
divago meus pensamentos, que são levados pelo vento…
retorno a ser o óvulo fecundado e fico a li a esperar…
a emergir para o novo mundo que me aguarda…
num choro incontido de lágrimas malfadadas
pelas lembranças…
de uma menina mulher que quer voltar a ser criança…
das angústias, medos, temores… dores e pela fragilidade
de caminhar com olhos vendados nesse mundo…
o medo do escuro…
e nessa volta me aninho novamente como um embrião…
pois é assim que me encontro nessa minha regressão
de voltas às minhas origens, cortar as arestas que ficaram
nessa fuga…
e aí que me encontro segura e envolta no cordão…
que me protege desse meu mundo de introspecção…

Lu Lena

 

Anúncios

Obrigada pela visita. Volte sempre!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s