PSIU…SILÊNCIO!

Psiu...Silêncio!

Já chorei tanto que minhas lágrimas foram parar no oceano das emoções onde a calmaria me traz a paz… então descanso meus olhos vermelhos e inchados numa ilha deserta onde só minha alma enxerga a miragem de um oásis que minha fé alcança.
Psiu… Silêncio!
Porque esse murmurinho externo pode afastar a esperança que veio me salvar…

Lu Lena

Anúncios

ANO NOVO?

Ano novo?

Tava pensando aqui com meus botões, todo mundo
comemora e brinda o ano que inicia sem saber o que vem
pela frente. E aí você passa o ano de um cão, só dá merda e as coisas não andam e você ainda comemora isso?
Não! agora será diferente, vou comemorar só o que passou no caso esse que está indo pro saco (e já não era sem tempo) o máximo que vou fazer é espatifar a taça no chão quebrando tudo que foi ruim e negativo que me prendeu e tomar a champanhe no gargalo…
Por que me embriagar?
– Porque esse ano foi um porre!

Lu Lena

PÁGINA VIRADA…

página virada

Sou alma que vaga sozinha na noite
vejo o dia que reflete na tua lágrima
que albumina…
procurando o corpo que deixei…
nessa tua ânsia que me plasma
Nas sombras fugazes de sonhos
mortos que reavivam nessa luz
que mortiça teu olhar nublado…
Sou sol na nascente que acorda
e que causa o teu cansaço…
nas lembranças borradas de
nuvens densas de mormaço…
Sou o pensamento que te faz
chorar e também sorrir…
Sou a boneca de pano feita
de estrelas e costurada com o
filete de luz da lua cheia…
sou o que tu escreve com os
pedacinhos de giz…
flutuando nas cordas vocais
gárrulos de riso solto numa
vida que contigo fui feliz…
sou a luz que transcende
no escuro de tua alma!
vulto lúrido que esvoaça…
sou a tua alegria fechada
nessa vida que teimas em
dizer que é página virada…

 Lu Lena